Claro e Evidente…

Para esquecer quem foi um dia…
Para lembrar o que será um dia…
Para saber que é agora…
Para esquecer que é por hora…
Olhos abertos, enxergando as falhas…
Olhos fechados, relevando os foras…
Encontrar equilíbrio…
E se aproximar do abismo…
A lucidez…
A loucura…
Silenciar atritos…
Leve e desembaraçado…
Romper o padrão…
Para convencer de que estava certo.
Para converter o que estava errado…
Acreditar nas próprias mentiras dizendo somente a verdade..
Contrariando idealizações…
Convertendo bandidos em santos…
Santos em pecadores…
À primeira vista.
Ou por repescagem…
Questionar as evidências.
Clarividência.
Ser triste e se deprimir com canções e livros…
Para alegrar as estantes e os ouvidos…
Concordar com o terapeuta…
E opor-se ao óbvio.
Superficialmente…
Profundamente…
Sem segredos e âncoras, fixar-se nas palavras…
Achando graça dos defeitos…
Condenando as diferenças…
Contando seus dias…
Empenhando toda a concentração nos números…
Esquecendo onde você estava, e sumindo da sua vida… Somando apenas seus dias.
Pensando em ficar para sempre do jeito que for.
Ainda que seja por um dia…
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s