POESIAS ANTIGAS ,PUBLICADAS NO +1FANZINE/NAMARRA

 OH, ALEX!
Estava só aqui pensando
Tão só apenas divagando
Lembrando-me dos teus mamilos
Os mais belos e doces que beijei
Lembrando-me do meio de tuas pernas
Aquele santuário onde minhas mãos coloquei
Lembrando-me que te pedi para ver-te
Sem roupa, como veio ao mundo…
E tu prontamente me atendeste
Tenho saudade desse corpo gostoso,que não
 Podia ver, que não conseguia te deixar em paz.
Tenho saudades de tuas neuras, de teus ataques…
De teu jeito mordaz
E tu, me trocastes por um cara sorridente e
 Tão incerto como tu eras.
Acho que devíamos ter trepado como loucos,
Ter fodido como dois cachorros no cio.
Onde estás agora, Alex, Mariano…
Estás feliz com esse novo alguém
Que dorme ao teu lado?
                                              Maria Josefa

 

 

 

 

XXXXXX

 

 

 

 

 

K2
Não sou nada que seus sonhos pensaram.
Lógico! Minhas esperanças acabaram.
Não vou lutar por você, fique sabendo.
Pois assim, seu orgulho vai crescendo.
Beleza não é tudo, dinheiro também não.
O que vale é o carisma, o caráter…
E o que se tem no coração.
Vou continuar do jeito que estou.
E não vou mudar nenhum pouquinho.
Do que adianta se no final acabo sozinho?
Você não me quer e não faço questão,
Pois na verdade nunca te pedi a mão.
Bem sei que agora tem nojo de mim,
Mas foram os dois que quiseram esse fim.
Se quiser voltar, volte, eu não vou implorar.
Mas do que adianta voltar
                                  {se não vamos mudar}?
Portanto, me deixa aqui então…
Sempre fiquei na mão…
Vá pra casa, pondere sobre isso…
 E depois dê sua opinião

                                                      Maria  Josefa

  
Anúncios